Não por acaso é um filme que vem ano a ano adquirindo um aspecto de cult. Bernard Rose cria um conto de horror que funciona na camada de eficiência de gênero, com uma protagonista que desce numa espiral louca de obsessão e de perseguição a partir da lenda urbana. 

Mais além, consegue abordar no subtexto um bocado de temas caros que vão além da raça. Que repensam esse aspecto, aliás, para além do preconceito e falam da parte estrutural que origina tudo isso. É um filme sobre gentrificação, sobre divisão de classes e de culturas e de como isso tudo se interliga. 

O nome maldito, Candyman, repetido três vezes no espelho, invoca mais do que o monstro. Invoca memórias da civilização que muita gente gostaria de apagar. 

Gosto ainda como tudo adquire um aspecto ritualístico por acaso. Não só a invocação. Como, por exemplo, falar do monstro com aquela comunidade é como falar dos espíritos antigos com uma tribo indígena. Como o grafite nas paredes, que a câmera faz questão de evidenciar, se transfiguram em marcas “rupestres” de quem passou por lá. De como o fogo, no fim, se torna purificador nesse auge da história. Sacrificial.

Mais além, o enredo por si, que sistematiza a lenda urbana, explora todo esse subtexto social e político de forma concreta. Os prédios, o que há por trás das paredes, os subterfúgios arquitetônicos. 

Antes da era do drone, tudo isso está lá, desde o princípio, nas tomadas zenitais do helicóptero nos planos que desenham os créditos iniciais. Deixando bem claras as divisões. Os bairros. A cidade divisiva. A periferia e a universidade. Os projetos habitacionais e os arranha-céus espelhados.

Uma última coisa: Tony Todd. Que presença! Que voz! Que horror ele consegue concretizar com tão pouco. Fazendo tudo parecer tão fácil.

candyman, EUA, 1992
direção: Bernard Rose
roteiro: Bernard Rose
fotografia: Anthony B. Richmond
montagem: Dan Rae
elenco: Virginia Madsen Tony Todd Xander Berkeley Kasi Lemmons Vanessa Williams DeJuan Guy Marianna Elliott Ted Raimi Ria Pavia Eric Edwards Carolyn Lowery Michael Culkin Bernard Rose Rusty Schwimmer Mika Quintard Mark Daniels Lisa Ann Poggi Adam Philipson Barbara Alston Sarina C. Grant Latesha Martin Lanesha Martin Glenda Starr Kelly Kenneth A. Brown Caesar Brown Terrence Riggins Gilbert Lewis Baxter Harris John Rensenhouse Doug MacHugh Carol Harris Stanley DeSantis Diane Peterson Michael Laren

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s